segunda-feira, 25 de outubro de 2010

Caça-palavras- s, ss

No link abaixo, vocë encontrará um caça palavras ortográfico. Grupos: s. ss
clique aqui

quinta-feira, 14 de outubro de 2010

Oração do professor

 

Dai-me, Senhor, o dom de ensinar,

Dai-me esta graça que vem do amor.

Mas, antes do ensinar, Senhor,

Dai-me o dom de aprender.

Aprender a ensinar

Aprender o amor de ensinar.

Que o meu ensinar seja simples, humano e alegre, como o amor.

De aprender sempre.

Que eu persevere mais no aprender do que no ensinar.

Que minha sabedoria ilumine e não apenas brilhe

Que o meu saber não domine ninguém, mas leve à verdade.

Que meus conhecimentos não produzam orgulho,

Mas cresçam e se abasteçam da humildade.

Que minhas palavras não firam e nem sejam dissimuladas,

Mas animem as faces de quem procura a luz.

Que a minha voz nunca assuste,

Mas seja a pregação da esperança.

Que eu aprenda que quem não me entende

Precisa ainda mais de mim,

E que nunca lhe destine a presunção de ser melhor.

Dai-me, Senhor, também a sabedoria do desaprender,

Para que eu possa trazer o novo, a esperança,

E não ser um perpetuador das desilusões.

Dai-me, Senhor, a sabedoria do aprender

Deixai-me ensinar para distribuir a sabedoria do amor.

Antonio Pedro Schlindwein

sexta-feira, 30 de julho de 2010

Dever de casa - Dicas para os pais

O  LIVRO    PAIS EDUCADORES - é proibido proibir? de  Isabel Parolin traz conselhos interessantes para os pais sobre como lidar com questões do dia-a-dia das crianças. Faz contribuições significativas para a educação de crianças e jovens com autoridade e com afeto. Educadora bastante conceituada no país, reúne neste livro algumas questões muito debatidas por pais e educadores no que se refere ao comportamento de crianças e jovens. Aborda questões que se referem a todas as faixas etárias, como limites na educação de crianças bem pequenas, atitudes dos pais frente a tarefas escolares, modismos juvenis (piercing, roupas, programas), questões de violência, de gênero e de sexualidade.
O livro é da editora Mediação e tem o ISBN: 978958706381-6
Clique na figura abaixo para ler mais sobre o assunto.

quarta-feira, 9 de junho de 2010

Dicas para estudar orações subordinadas substantivas

Muitas pessoas acham difícil compreender as orações subordinadas substantivas.

terça-feira, 4 de maio de 2010

Uma homenagem às mães

Uma homenagem às mães e a todas aquelas ou aqueles que fazem o papel de mãe de alguém.
Clique na imagem abaixo para ver.

quarta-feira, 28 de abril de 2010

Campanha salarial dos professores estaduais de Minas Gerais


Os professores da rede estadual de Minas Gerais estão em campanha salarial.

Por sua vez, e de forma intransigente, o governo estadual se nega a apresentar uma proposta salarial para os/as trabalhadores/as, demonstrando o total descaso e desrespeito para com a educação de Minas Gerais. Vale ressaltar que a Secretaria de Educação do Estado divulgou um Ofício Circular aos/às servidores/as, com ameaças de que se a greve persistir, os/as trabalhadores/as terão seus pontos cortados, o que corresponde à faltas.

Abaixo, veja a resposta do Sind-UTE/MG, em atenção ao Ofício Circular Gab.n° 1013/2010 de 26/04/2010, da Secretária de Estado da Educação, Vanessa Guimarães.

Em atenção ao Ofício Circular Gab.n° 1013/2010 de 26/04/2010, da Secretária de Estado da Educação, Vanessa Guimarães, o Sind-UTE/MG esclarece:

1)O direito de greve dos servidores públicos é legítimo, estando previsto constitucionalmente, na regra do art. 9º da Constituição Federal de 1988.

2)A Lei Federal n° 7.783 de 28/06/89, por força da decisão proferida no Mandado de Injunção n° 708 do Supremo Tribunal Federal, regulamenta o direito de greve dos servidores públicos.

3)A participação em greve suspende o contrato de trabalho, sendo vedada a rescisão de contrato de trabalho durante a greve, bem como a contratação de trabalhadores substitutos (art. 7º, parágrafo único, lei n° 7.783/89).

4)As faltas em serviço por motivo de mobilização da categoria para a defesa de seus direitos são faltas justificadas, logo, não se equivalem à faltas por ausência injustificada ao serviço.

5)A emissão do ofício por parte da Secretaria Estadual é uma clara estratégia de desmobilizar a categoria num momento em que a greve se consolidou ganhando adesão em todas as regiões do estado. Não podemos deixar que a Secretaria alcance o seu objetivo. Se os profissionais em greve recuarem, perderemos a oportunidade histórica de conquistar um salário melhor e não teremos condições de realizar qualquer negociação, uma vez que o sindicato ficará fragilizado.

6)Todas as medidas judiciais possíveis estão sendo tomadas pelo Sind-UTE/MG para tentar anular os efeitos do Ofício da Secretária.

7)Precisamos manter nossa mobilização e as atividades definidas pela assembleia realizada em São João Del-Rei .
Fonte: Assessoria de Imprensa Sind-UTE/MG, 27/04/2010
 

terça-feira, 20 de abril de 2010

Greve-salário-professores estaduais mineiros

Pode ser um exagero, mas...


















Quando postei essa charge achei-a um pouco exagerada, mas acontecimentos recentes levaram-me a repensar a situação. O professsor da rede estadual mineira tem um salário básico abaixo do salário mínimo. Não é capaz de suportar um mês de greve, pois não tem a menor chance de organizar qualquer poupança, assim após uma semana de paralisação o medo de panelas vazias e de contas para pagar já torna um pesadelo.
Hoje voltando de uma dessas greves curtíssimas, tivemos a notícia de que somos proibidos de merendar com os alunos.
Bem, colegas a situação descrita na charge acima vai se realizando mais rápido do que eu imaginava....
Vai ter bolsa família para o professor?

quarta-feira, 14 de abril de 2010

Palavras de origem indígena - música

Uma música ótima para trabalhar com palavras de origem indígena.


terça-feira, 30 de março de 2010

Acróstico da Páscoa

Docinho da Mamãe

DOCINHO DA MAMÃE.

INGREDIENTES:

1 LATA DE LEITE CONDENSADO;
1 PACOTE PEQUENO DE LEITE EM PÓ;
1 LATA PEQUENA DE NESCAU;
MEIO  PACOTE DE COCO RALADO

MODO DE FAZER:

MISTURE TODOS OS INGREDIENTES  E FAÇA BOLINHAS.

Poema para o dia das mães

Se Todas as Coisas Fossem Mãe

Se a lua fosse mãe, seria mãe das estrelas.
O céu seria sua casa, casa das estrelas belas.

Se a sereia fosse mãe, seria mãe dos peixinhos.
O mar seria um jardim e os barcos seus carrinhos.

Se a casa fosse mãe, seria a mãe das janelas.
Conversaria com a lua sobre as crianças estrelas
Falaria de receitas, pastéis de vento, quindins.
Emprestaria a cozinha pra lua fazer pudins !!!!

Se a terra fosse mãe, seria a mãe das sementes.
Pois mãe é tudo que abraça, acha graça e ama a gente.

Se uma fada fosse mãe, seria a mãe da alegria.
Toda mãe é um pouco fada...
Nossa mãe fada seria.

Se a bruxa fosse mãe, seria uma mãe gozada;
Seria a mãe das vassouras, da família vassourada.

Se a chaleira fosse mãe, seria a mãe da água fervida,
Faria chá e remédio para as doenças da vida.

Se a mesa fosse mãe, as filhas, sendo cadeiras,
Sentariam comportadas, teriam boas maneiras.

Cada mãe é diferente. Mãe verdadeira ou postiça,
Mãe vovó ou mãe titia, Maria, Filó, Francisca,
Gertrudes, Malvina, Alice.

Toda Mãe é como eu disse!

Dona Mamãe ralha e beija, erra, acerta,
arruma a mesa, cozinha, escreve, trabalha fora,
Ri, esquece, lembra e chora,

Traz remédio e sobremesa...

... Tem até pai que é "tipo mãe"...

Esse, então, é uma beleza !!!!!

Assim é a minha mãe !!!!!!!!!!!!!!!!!!

quinta-feira, 11 de março de 2010

Datas comemorativas do mês de março


2 · Dia Nacional do Turismo
02 . Dia da Oração
03 · Dia do Meteorologista
05 · Dia do Filatelista Brasileiro
07 · Dia do Fuzileiros Navais
08 · 
Dia Internacional da Mulher
10 · Dia do Telefone
10 - Dia do Sogro
12 - Aniversário de Recife (468 anos) e Olinda (470 anos)
12 · Dia do Bibliotecário
14 · Dia do Vendedor de Livros
14 · Dia Nacional da Poesia
14 · Dia dos Animais
15 · Dia da Escola
15 · Dia Mundial do Consumidor
19 · Dia de São José
19 · Dia do Carpinteiro
19 · Dia do Marceneiro

20 · Início do outono
20 . dia do contador de Histórias
21 · Dia Universal do Teatro
21 · Dia Internacional Contra a Discriminação Racial
21 . Dia Universal do Teatro
22 . Dia Mundial da Água
23 · Dia Mundial da Meteorologia
26 · Dia do Cacau
27 · Dia do Circo
28 · Dia do Diagramador
28 · Revisor
30 . Dia Mundial da Juventude
31 · Dia da Integração Nacional
31 · Dia da Saúde e Nutrição
31 . Aniversário do Golpe Militar - 1964

 

quarta-feira, 10 de março de 2010

Teatro para Páscoa









A Páscoa está chegando. Que tal fazer um teatro com a moçada!!!
Clique na figura a seguir para baixar o texto:


segunda-feira, 8 de março de 2010

Dia Internacional da Mulher

O Homem e a Mulher
Victor Hugo



O homem é a mais elevada das criaturas.
A mulher é o mais sublime dos ideais.

Deus fez para o homem um trono.
Para a mulher, um altar.
O trono exalta.
O altar santifica.

O homem é o cérebro; a mulher é o coração.
O cérebro fabrica a luz; o coração produz Amor.
A luz fecunda.
O Amor ressuscita.

O homem é forte pela razão.
A mulher é invencível pelas lágrimas.
A razão convence.
As lágrimas comovem.

O homem é capaz de todos os heroísmos.
A mulher, de todos os martírios.
O heroísmo enobrece.
O martírio sublima.

O homem tem a supremacia.
A mulher, a preferência.
A supremacia significa a força.
A preferência representa o direito.

O homem é um gênio; a mulher, um anjo.
O gênio é imensurável; o anjo, indefinível.
Contempla-se o infinito.
Admira-se o inefável.

A aspiração do homem é a suprema glória.
A aspiração da mulher é a virtude extrema.
A glória faz tudo grande.
A virtude faz tudo divino.

O homem é um código.
A mulher, um evangelho.
O código corrige.
O evangelho aperfeiçoa.

O homem pensa.
A mulher sonha.
Pensar é ter no crânio uma larva.
Sonhar é ter na fronte uma auréola.

O homem é um oceano.
A mulher um lago.
O oceano tem a pérola que adorna.
O lago, a poesia que deslumbra.

O homem é a águia que voa.
A mulher é o rouxinol que canta.
Voar é dominar o espaço.
Cantar é conquistar a alma.

O homem é um templo.
A mulher é o sacrário.
Ante o templo nos descobrimos.
Ante o sacrário nos ajoelhamos.

Enfim, o homem está colocado onde termina a terra.
E a mulher onde começa o céu.

quarta-feira, 10 de fevereiro de 2010

História do Carnaval no Brasil

O Carnaval é uma festa tradicional em quase todo o país. Clique na figura abaixo para obter um texto relativo a uma breve história do carnaval.

quarta-feira, 3 de fevereiro de 2010

Primeiro dia de aula

Hoje recebi minhas turmas do Ensino Fundamental. Apenas tomei contato com o oitavo ano B ( antiga sétima série).
Após as apresentações e as recomendações costumeiras  do início do ano, partimos para uma atividade escrita de abertura dos cadernos. Tenho o hábito de pedir aos meus alunos que escrevam como primeira atividade no  um texto falando de seus sonhos e esperanças para aquele ano escolar.É uma oportunidade de conhecer um pouco do que eles desejam. Leio todos os textos produzidos e escrevo uma pequena nota desejando a realização de seus sonhos e esperanças. Eu acho positiva essa atividade.Traz uma certa aproximação entre o professor e os alunos.


Esse ano acrescentei outra atividade. Nas salas em que os alunos já se conhecem produzimos a 'página da amizade'. Os alunos trocam os cadernos entre eles e escrevem 'bilhetinhos' uns para os outros. Isso incentiva a escrita que anda meio enferrujada devido às férias. Essa atividade foi muito prazerosa.

quinta-feira, 28 de janeiro de 2010

Emprego do gerúndio


Gerúndio é uma forma verbal conhecida como forma nominal do verbo, juntamente com o infinitivo e o particípio. Os gerúndios são terminados em "ndo". É chamado de forma nominal, porque o verbo pode em certas situações atuar como nome (substantivo, adjetivo ou advérbio).
Esta forma nominal pode e deve ser usada para expressar uma ação em curso ou uma ação simultânea a outra, ou para exprimir a idéia de progressão indefinida. No Brasil o gerúndio é usado de uma maneira exagerada, talvez por ter influência da língua inglesa.
O uso do gerúndio será cada vez mais impróprio quanto mais próximo estiver da função adjetiva, ou da expressão de qualidades ou estados, ou quanto maior a distância entre o tempo da ação expressa por ele e o tempo da ação do verbo principal.
Exemplos:
- Você pode estar passando o número do seu telefone.
- Eu vou estar indo pessoalmente levar os seus pertences.
- Ela vai estar mostrando como tudo aconteceu.
O gerúndio é usado corretamente quando expressa ações que estão acontecendo, no presente. Não deve ser utilizado para o futuro.
Exemplos:
- Presente
Vamos enviar os materiais na semana que vem. (correta)
Nesta semana estou estudando para o vestibular. (correta)
- Futuro
Estarei enviando os materiais na semana que vem. (incorreta)
Nesta semana estarei estudando para o vestibular. (in
correta)
O gerúndio também está bem-empregado quando há predominância do caráter verbal ou adverbial; caráter durativo da ação está claro; a ação expressa é coexistente ou imediatamente anterior à ação principal.
Fonte: Colégio Web

segunda-feira, 25 de janeiro de 2010

quinta-feira, 21 de janeiro de 2010

R2 Diário

Um software para ajudar o professor na sua tarefa diária. Pareceu-me muito interessante e útil


27-Jul-2009 às 17:54













·1. Por que R2 Diário?

Como estamos vivendo na era da informática, (o professor terá que acompanhar o ritmo de seus clientes). Ninguém melhor que os educadores para saber o quanto nossos alunos estão envolvidos com a informática, e foi pensando não só no aluno, mas também em facilitar o nosso dia-a dia unindo o útil ao necessário, aproveitando o nosso tempo que gastamos em planejamento diário utilizando a informática.

Plano de aula informatizado será um arquivo onde o professor terá acesso assim que necessário não importando a data ou ano que foi utilizado. Permitindo alterações em qualquer parte.
·2. O que o R2 Diário Facilita?

Utilizando este programa de planejamento facilitará em:

·
Mudanças de datas;
· Replanejamento de uma determinada disciplina;
· Mudanças de conteúdos;
· Novas estratégias;
· Pesquisas anteriores;
· Acréscimos de ultima hora;
· Cada professor terá o seu programa;
· Abandonar aquele caderno que nunca dá para fechar o semestre;
3. Como Contratar o serviço?

· Grátis, isto mesmo, este software é inteiramente grátis, e para sugestões/agradecimentos entre em contato pelo formulário CONTATO ou pelo email: r2soft@r2soft.com.br. >
· Telefones para contato: (62) 3326-3926 / (62) 3326-6453.
3. Tutorial de Utilização
Eis o tutorial criado por uma grande Professora (isso mesmo, Professora com P maiúsculo rsrs)
http://www.professoressolidarios.blogspot.com/2010/01/programa-para-fazer-plano-de-aula.html

TUTORIAL ELABORADO POR SUSANA FELIX
OWNER DO GRUPO PROFESSORES SOLIDÁRIOS

Endereço para download


Leitura e produção de textos - linguagem regional


O texto abaixo é interessante para se estudar com os alunos a diferenças de linguagem.  Uma atividade interessante é pedir aos alunos que reescrevam o texto em linguagem culta e depois discutir com eles se muda alguma coisa na significação do texto. É importante, também, falar da adequação da linguagem, o texto culto não vai ter a mesma graça do texto na linguagem regional. Essas observações fazem com que o aluno aprenda que dependendo do contexto a linguagem que se pede é outra.



sábado, 16 de janeiro de 2010

Reunião de Pais - Texto de sensibilização

Primeira reunião de pais é sempre um sufoco para a escolha de uma mensagem legal e que dê o recado.
Recebi da professora Mary Aguiar um sugestão que gostei muito e gostaria de partilhar. A professora explica como conduziu a reunião:

Veja a mais aqui

sexta-feira, 8 de janeiro de 2010

Acordo ortográfico

Olimpíadas de Português

MEC anuncia inscrições para olimpíada


Começam em 22 de fevereiro e vão até 30 de abril as inscrições para a Olimpíada de Língua Portuguesa Escrevendo o Futuro. Promovida conjuntamente pelo Ministério da Educação e pela Fundação Itaú Social, a olimpíada tem entre seus objetivos estimular a leitura e o desenvolvimento da escrita na educação básica pública. O lançamento oficial será em 2 de março, na Academia Brasileira de Letras, no Rio de Janeiro.

Com o tema “O lugar onde vivo”, estudantes e professores vão trabalhar textos de quatro gêneros literários. Alunos do quinto e sexto ano do ensino fundamental (quarta e quinta séries) vão desenvolver a poesia; sétimo e oitavo ano (sexta e sétima séries), textos no gênero memória; nono ano do ensino fundamental (oitava série) e primeiro ano do ensino médio, crônica; segundo e terceiro anos do ensino médio, artigo de opinião.

A expectativa do Ministério da Educação é que 145 mil escolas e mais de 6 milhões de estudantes participem das atividades da olimpíada neste ano. Para que isso aconteça, será necessária a adesão das secretarias de educação dos 26 estados e do Distrito Federal e dos 5.563 municípios. A adesão é o primeiro passo. O segundo é a inscrição da escola. O investimento do MEC nessa ação será de R$ 13 milhões.

Ornamentação da sala



As professoras das séries iniciais gostam de ornamentar as salas de aulas. Sugestões para sua sala de aula. Mais sugestões aqui

quarta-feira, 6 de janeiro de 2010

Mensagens para o início do ano

O ano letivo se aproxima e é bom pensar numa maneira de receber nossos alunos. No final do ano, ouvi o seguinte comentário na sala dos professores: o primeiro dia de aula já vai ser com alunos em sala de aula, o tempo de planejamento virá um mês depois. Acho isso no mínimo meio estranho.Não planejar nada em conjunto para receber o aluno. Bem são coisas que acontecem e que merecem nossa reflexão.
Pensando nisso, imaginei que seria interessante que os educadores pudessem ter em mãos algumas mensagens que incentivassem os alunos quando voltassem às aulas.

(Outras virão)

segunda-feira, 4 de janeiro de 2010

Meu filho ainda não sabe ler


Um texto interessante para professores e pais ansiosos

Por que meu filho ainda não sabe ler e escrever?




Mais um ano letivo se inicia, e com ele, muitos sonhos e projetos se renovam. Para os alunos que já freqüentam a escola há algum tempo, é sempre a promessa de um ano melhor, com mais atenção, com mais dedicação e notas melhores. Promessa nem sempre cumprida, diga-se de passagem. Para os que estão iniciando numa escola nova, é a expectativa de novos professores, novos colegas, novas caras, novas cobranças e o medo de não se adaptarem ao novo. Mas para aqueles que estão ingressando pela primeira vez na escola básica, a famosa primeira série do ciclo básico, é um mundo novo, com as expectativas redobradas e o sonho de finalmente aprender a ler e escrever. E é sobre esse sonho/pesadelo que quero falar aqui, porque a primeira série e todo o processo de alfabetização da criança tornam-se para alguns pais e filhos motivo de angústia e desespero, quando deveria ser um momento de alegria e de puro prazer.
Não existe nenhuma lei nem nenhum decreto que determine que a criança deva aprender a ler e a escrever na primeira série do ciclo básico, no entanto, por um consenso social, ficou oficializado que era na primeira série que isto deveria acontecer. Possivelmente, esta obrigatoriedade é ainda herança dos tempos em que a alfabetização era iniciada na primeira série, quando a professora, de fato, ensinava o bê-a-bá, e o que se fazia, de fato, era juntar bê mais a com o auxílio da cartilha, onde havia uma série de frases prontas, sempre seguindo a ordem alfabética.
Na ansiedade de verem seus filhos lendo e escrevendo o mais cedo possível, alguns pais acabam transformando esse momento tão rico e tão difícil para a criança num pesadelo de cobranças, de queixas e de reclamações, que respingam por todos os lados, desde a própria criança até a professora, atingindo a escola, o método de ensino, o material pedagógico, etc, gerando uma angústia que muito atrapalha o processo, que por si já é extremamente difícil para a criança. Então, antes que a ansiedade aflore e que as queixas comecem a pipocar por todos os lados, vamos esclarecer alguns pontos sobre o que, realmente, é aprender a ler e escrever
Com as descobertas da Psicogênese da Língua Escrita, ou melhor, com a descoberta de como se dá o processo de aquisição da língua escrita, muita coisa mudou na concepção do que é alfabetização. A primeira delas é que ler e escrever são um processo de construção interna (assim como todos os processos de aprendizagem humana ocorrem de dentro para fora do sujeito) que começa bem antes de a criança entrar na escola e vai muito além da primeira série. 
Começa quando ela se dá conta de que existe uma língua que se fala e uma língua que se escreve, e que escrever é transformar a língua falada num código gráfico simbólico, o que exige uma elaboração mental extremamente complexa. Para dominar esse novo código ela precisará de alguns anos. Mas esse processo é longo e difícil para a criança, pois não é resultado da acumulação de informação sobre sílabas, alfabeto e letras, e sim a transformação das hipóteses que ela constrói em seu esforço para compreender o que é para quê serve e como funciona a escrita. Sendo uma construção absolutamente pessoal, individual, interna e intransferível, é, portanto, impossível para alguém determinar com precisão em que momento ela acontecerá. Ao contrário do se pensava até há algum tempo, que escrever era juntar letras e sílabas, e que ser alfabetizado era saber escrever o próprio nome, hoje só é considerado efetivamente alfabetizado o sujeito que:

a) Compreende as funções da língua escrita na sociedade (para quê serve a escrita)
b) Compreende as diferenças entre desenho e língua escrita (grafismo figurativo e grafismo simbólico)
c) Apropriou-se do código lingüístico a ponto de poder usá-lo para comunicar-se através dele
d) Consegue ler e levantar questões diante de um texto
e) Percebe que a escrita é importante na escola porque é importante fora dela.O que se sabe é que crianças que têm mais acesso a diversos portadores de textos (livros, revistas, jornais, gibis, rótulos de embalagens, etc); que convivem mais com situações de leitura (pessoas lendo ao seu redor) e ouvem pessoas lerem para elas, aprendem a ler e escrever com mais rapidez e facilidade. Crianças que convivem em lares de pessoas letradas e que fazem uso constante da escrita, aos dois anos de idade já brincam de escrever e rabiscam o papel dizendo que "estão escrevendo". Isto significa que já compreenderam que existem outras formas de comunicação além da fala, e que uma delas é a escrita. Com o tempo transformarão esses "rabiscos" em escrita de verdade. Mas para isso precisarão de nosso apoio, de nossa compreensão e de nosso encorajamento. Cobranças, queixas e críticas não ajudam ninguém a aprender nada.Se quisermos que nossos filhos aprendam de verdade, o melhor a fazer é lermos muitas histórias, oferecermos muitos livros de histórias infantis, muitos gibis, muitas revistas e enchermos a casa de lápis de cor e de papel para que possam rabiscar e desenhar à vontade suas próprias idéias. E um dia, quando menos esperamos, no café da manhã eles nos surpreendem lendo Mar-ga-ri-na ou escrevendo num pedaço de papel com uma letra desafiadora e mal equilibrada: u meu pai e legau. Nesse dia, damos a mão à palmatória e dizemos: Muuuuuuuuiiito bemmmmm!!! É tudo o que se deve dizer a quem se esforçou tanto par achegar até aí. Com o tempo eles perceberão que a nossa língua tem muito mais dificuldades do que se possa imaginar. Mas isto é outra história que fica para outra vez. Por hoje, basta comemorar.
     
Cybele Russi é Pós-graduada em Psicopedagogia                                                                                                                                        Clínica e Institucional